Imobiliária em Santos
Apartamentos em Santos 13 97417-750113 97417-7501Imobiliária em Santos 13 3321-9000

Notícias do mercado imobiliário

Santos terá agência para facilitar instalação de empresas


Novo órgão funcionará em antigo prédio da Petrobras, na Rua Dom Pedro II ao lado da Prefeitura

Inspirada na Investe São Paulo (Agência Paulista de Promoção de Investimentos e Competitividade do Estado), a Prefeitura de Santos vai criar, até março de 2016, a Investe Santos. Diferentemente da estadual, a santista não será gerenciada por uma organização social (OS). A ideia é ter um núcleo com servidores públicos de várias secretarias, no mesmo local, ajudando empresários a resolver questões burocráticas, além de buscar e atrair empresas com potencial para investir na Cidade.

A Investe Santos vai funcionar em um prédio comprado pela Prefeitura, ao lado do Paço Municipal (esquina das ruas General Câmara e Dom Pedro II), onde funcionava a Petrobras. Para existir de fato, a agência municipal depende agora da assinatura de um decreto pelo prefeito Paulo Alexandre Barbosa (PSDB). Ele anunciou a novidade com exclusividade para A Tribuna, após o jornal publicar, domingo passado, reportagem mostrando que muitas empresas estão se instalando no Interior e não procuram a Baixada Santista.

“Estamos trabalhando nessa proposta de criar um ambiente exclusivo para atração de investimentos, com a perspectiva de ser um facilitador da vida do empreendedor. A Investe Santos vai dar a retaguarda para o investidor, fazendo a interface com todos os órgãos da Administração”, diz o prefeito.

A agência abrigará a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Inovação, o Banco do Povo e a Sala do Empreendedor. Entre as participações estarão técnicos da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), Secretaria do Meio Ambiente e Vigilância Sanitária. “A ideia é que o investidor seja um cliente dessa agência e que ela trabalhe para viabilizar o negócio no âmbito municipal e nas possíveis intercorrências estaduais e federais”, explica Barbosa.

O prefeito promete fazer também a captação de empresas. “Vamos intensificar a presença em feiras e eventos tanto nacionais quanto internacionais”.

Setor portuário

Para o chefe do Executivo santista, é importante valorizar o setor portuário, que gera enorme arrecadação de impostos e faz parte da vocação da Cidade. Ele cita investimentos de aproximadamente R$ 3 bilhões pela empresa de logística VLI para a ampliação (novo píer, armazém e pátio) do Terminal Tiplam (antigo Ultrafértil), na Área Continental de Santos.

O terminal movimenta cerca de 2,6 milhões de toneladas anuais de produtos como fertilizantes, enxofre e amônia. A ampliação possibilitará a operação com grãos e açúcar com destino à exportação. Com isso, o volume de cargas operadas saltará para 14,5 milhões por ano. A conclusão das obras está prevista para 2017.

“E não é só isso. A VLI está fazendo uma dragagem, para os navios chegarem lá, que vai viabilizar boa parte da Área Continental, que tinha dificuldade de acesso”, diz o prefeito. A empresa também está investindo no corredor de transporte ferroviário ligando Goiás ao Porto de Santos.

01/12/2015

Últimas notícias